Em busca do equilíbrio: o primeiro passo

Ouço sempre muitas pessoas dizendo que estão em busca de equilíbrio pessoal, profissional, interior… Mas onde buscar esse equilíbrio? É algo que se encontra, se conquista? E afinal, o que é se sentir equilibrado?

Cada pessoa pode criar e compor seu próprio conceito de equilíbrio, com cada fator que contribuiu para uma coisa em comum para qualquer um: seu bem estar. Estar em equilíbrio é se sentir bem com você. E isso afeta o olhar sobre todos os aspectos de sua vida: pessoal, profissional, familiar, etc.

O fato é que você só vai buscar o equilíbrio quando as coisas não vão bem, quando percebe que algo em sua vida não está mais funcionando da mesma maneira, não está trazendo mais aquela satisfação, que o desequilíbrio está tomando conta, e aí, é o momento em que a busca começa. Citando Osho “Só quando você está completamente insatisfeito com o estado em que estão as coisas é que você inicia a busca e começa a se elevar, só então você se esforça para sair do atoleiro.”.

O grande ponto é que às vezes você está tão afundado no atoleiro e cheio de lama que parece bem difícil encontrar uma saída. Parece que quanto mais você se mexe mais fica sujo, mais as coisas parecem sair mal, e o efeito cascata começa a acontecer. E isso te faz acreditar que você deve, por algum motivo, merecer estar lá. Porém, eu acredito sim que é possível deixar essa bagunça toda pra trás e dar um passo adiante, e para isso, alguns primeiros passos com um olhar para si, com certeza irão te ajudar:

  • Acredite em você! Sim, você merece e pode ser feliz. Pense bem em tudo que você viveu até aqui, aposto que houve muito mais alegria que tristeza presente nestes momentos. Quantos obstáculos você já enfrentou e se saiu muito melhor do que pensava?
  • Se tudo pode dar errado, porque tudo não pode simplesmente dar certo? Essa é a lei da atração. Pensamentos positivos, de busca do equilíbrio podem emanar de sua mente até o seu corpo. É uma mensagem de você para você. Enviar esse recado constantemente para o universo e acreditar que é possível se sentir equilibrado pode abrir caminhos importantes.
  • Busque sua própria forma de relaxar e treinar. Pode ser uma das diversas técnicas de meditação, uma atividade física, ou até uma atividade mental, como a leitura de um livro, o que te faz bem, integralmente? Não vale comer aquele brigadeiro delicioso e depois sentir aquele peso na consciência por conta da dieta. O que realmente te faz bem, de forma integral: corpo, mente e espírito? O que realmente pode ajudar no seu equilíbrio interior? Alguns momentos sozinho, em silêncio, após qualquer uma dessas atividades será importante para sentir de que forma a atividade escolhida te afeta e se realmente te proporciona equilíbrio.
  • Tenha disciplina. Nada muda de uma hora para outra, é preciso criar hábitos. Reserve um tempo do seu dia para fazer o que te faz bem, é uma questão de gerenciar as prioridades, e se colocar em primeiro lugar. Não é uma questão de obrigação, mas sim de escolha, você está se escolhendo. Aos poucos, você irá perceber o quanto este espaço único e seu é prazeroso.

Hoje, acredito que o equilíbrio interior é algo que se reencontra, e o único lugar é olhando pra dentro de si. É um caminho de autoconhecimento que se inicia.

Portanto, te convido a dar esse primeiro passo!

Sabrina

 

Sabrina Green, Psicóloga, Coach certificada pela International Coaching Community e especialista em Recursos Humanos.

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s